Passar para o Conteúdo Principal Top
Logotipo Município de Vale de Cambra
Hoje
Hoje
Amanhã
Amanhã

Incentivo à Economia

  • LINHAS DE APOIO

    Face ao agravamento da situação epidemiológica e à declaração do estado de emergência, foram adotadas novas medidas e restrições com vista à prevenção e resposta à pandemia da doença COVID-19. Estas medidas, sendo fundamentais do ponto de vista da saúde pública, provocam impactos na atividade económica, em particular nas empresas de menor dimensão e nos setores mais dependentes do mercado interno e do turismo.

    O Governo aprovou o Sistema de Incentivos à Liquidez, designado Programa APOIAR, com o objetivo de reforçar a liquidez das empresas, tendo em vista preservar a continuidade da sua atividade económica e do emprego.

    • Conheça aqui algumas dessas Linhas de Apoio:

    Linha Apoiar Rendas [Clique Aqui para Saber +]
    Aviso 03 SI 2021 APOIAR Rendas: https://nortemaisforte.pt/wp-content/uploads/2021/02/AAC_03SI2021_APOIAR_RENDAS.pdf

    Linha APOIAR +Simples [Clique Aqui para Saber +]
    Aviso 1/SI/2021 APOIAR +Simples: https://nortemaisforte.pt/wp-content/uploads/2021/01/20200128_AAC_01SI2021_APOIARSIMPLES.pdf

    Programa ADAPTAR
    Foi publicado em Diário da República, o Decreto-Lei n.º 20-G/2020 que estabelece um sistema de incentivos à segurança nas micro, pequenas e médias empresas, no contexto da doença COVID-19.

    O Programa governamental ADAPTAR, com aplicação em todo o território do continente, visa apoiar as empresas no esforço de adaptação e de investimento nos seus estabelecimentos, ajustando os métodos de organização do trabalho e de relacionamento com clientes e fornecedores às novas condições de contexto da pandemia da doença COVID-19, garantindo o cumprimento das normas estabelecidas e das recomendações das autoridades competentes.

  • Notícias

  • Inquérito ao Comércio e Indústria I Efeitos COVID-19

    A autarquia quer ouvir quem está no terreno: o comércio e a indústria, e em parceria com a AECA – Associação Empresarial de Cambra e Arouca, leva a cabo um inquérito online de forma a avaliar o real impacto da pandemia na economia cambrense.
    De acordo com o Presidente da Câmara, “entendemos que este é o momento indicado para auscultar os agentes económicos que nos permita avaliar o real impacto do Covid-19 no setor económico local”. José Pinheiro apela assim, à melhor adesão de todos referindo ainda que “será importante recolher informação que permita a definição de estratégias concertadas com os diversos setores de atividade de forma a atenuar o eventual impacto negativo, alavancando medidas e eventuais soluções".

  • Plataforma Comércio, Indústria e Serviços [NOVA]

    Pretende-se com a criação desta plataforma inventariar as mais diversas ofertas de produtos e serviços, produzidos ou comercializados no concelho de Vale de Cambra.