Passar para o Conteúdo Principal Top
Logotipo Município de Vale de Cambra
Hoje
Hoje
Amanhã
Amanhã

Colónias CED

Capturar-Esterilizar-Devolver (CED) é um método humano e eficaz de controlo de colónias de gatos e de redução das populações felinas silvestres. O processo envolve a captura dos gatos de uma colónia, a sua esterilização, um pequeno corte na orelha esquerda para fins de identificação visual dos esterilizados, identificação eletrónica, desparasitação e, por fim, a devolução dos animais ao seu território de origem, onde são alimentados e protegidos por um cuidador.


Este procedimento foi entretanto legalmente reconhecido como consta da Portaria n.º146/2017, de 26 de abril: “Para o efeito, a presente portaria fixa as condições e normas técnicas a que devem obedecer os programas de controlo das populações errantes de animais de companhia, nomeadamente os programas de captura, esterilização e devolução de gatos (...)”


O principal intuito deste projecto é o de reduzir drasticamente o número de nascimento de animais na rua, tendo assim um maior controle sobre a população de gatos silvestres.
Exemplo:
15 colónias com cerca de 8 animais cada.
Destes 8, cerca de 2/3 serão fêmeas. Cada fêmea pode parir até 3 vezes num ano.
Considerando uma média de 3 gatos por ninhada( que por norma são mais), traduz-se aproximadamente em 15 colónias x 5 gatas x 3 ninhadas x 3 gatos = 675 nascimentos de animais ao final de um ano.


Este número nunca chega a ser real devido à taxa de sobrevivência, morte por envenenamento, atropelamentos, doença, maldade humana, fome, etc. Mesmo assim, são números muito significativos, e será de todo o interesse minimizá-los intervindo no maior número de colónias possível.

Existem colónias de gatos de rua, alimentados e vigiados por munícipes, espalhadas pelo nosso município.
Assumindo essa boa vontade, seria de mutuo acordo e em parceria, que este município estaria disposto a ajudar estes voluntários na organização e manutenção das colónias pela quais são responsáveis, ajudando na captura e esterilização dos gatos.

  • CONTACTOS PARA REQUERIMENTOS:

Assim sendo, e de forma a melhor gerenciar esta situação, os pedidos devem ser feitos através de um requerimento no Atendimento do Edifício Municipal, da Câmara Municipal de Vale de Cambra, nas Juntas de Freguesia ou enviando um e-mail para veterinario@cm-valedecambra.pt com o assunto “Colónia de gatos de rua”, expondo a situação e dando o maior número de informações possível como localização da colónia e número médio de gatos nela existentes.

Atenção: Só serão avaliados pedidos que contenham informações do requerente como Nome completo, Morada Completa, Nº de Cartão de Cidadão ou Bilhete de Identidade, Nº de Contribuinte e contacto telefónico ou preenchimento de requerimento prórpio.

  • REGRAS

    - As colónias devem estar localizadas em locais resguardados, de forma a não perturbar habitat e refúgios de vida selvagem, bem como parques públicos.
    - O abrigo para as colónias deve manter-se limpo e a comida colocada estrategicamente, de forma a não provocar nenhum perigo para a saúde pública e não atrair outros animais ou pragas.
    - As esterilizações são da responsabilidade do município.
    - Os gatos devem ser identificados eletronicamente.
    - Os gatos devem ser marcados com o corte na orelha esquerda, de forma a serem identificados visualmente como esterilizados.

  • VANTAGENS

    Na comunidade:

    • Menos gatos silvestres e vadios em toda a comunidade;
    • Menos abates;
    • Menos queixas;
    • Maior cooperação dos cuidadores;
    • Mobilização de acções de voluntariado;
    • Redução de custos;
    • Melhora na Saúde Pública;

    Na colónia:

    • Não haverá mais ninhadas, e a população de gatos irá diminuir com o tempo;
    • Redução drástica do barulho;
    • O cheiro torna-se muito menos intenso;
    • Mantém-se o controlo de roedores;
    • Uma colónia mais saudável e menos visível;
    • Exclusão do factor pena/tristeza;
    • A presença de um cuidador;
    • Evita a criação de uma outra colónia, e não esterilizada;